terça-feira, 30 de abril de 2019

Temperando os sabores da 11ª edição


Vem ai a 11ª edição do CINEME-SE - FESTIVAL DA EXPERIÊNCIA DO CINEMA. São 15 anos de ações independentes sobre a experiência do cinema, um Festival que propõe uma mistura entre o audiovisual imersivo, a gastronomia e a cidade criativa. Trabalha a partir de um conceito colaborativo, construído por meio de visões coletivas de todos os níveis, do roteirista ao espectador. Criado em 2004 em Santos/SP, com objetivo de estimular a experimentação de realizadores da imagem em movimento e a formação de novas plateias para as múltiplas possibilidades de se fazer cinema, e dessa forma promover um maior intercâmbio entre realizadores, pensadores e o espectador, para criarem um espaço de construção de sentidos, de investigação e de novas realidades.

quarta-feira, 25 de julho de 2018

SABORES QUE FICAM


CONECTAR IMAGINÁRIOS POR UM MUNDO MAIS EXPANDIDO

Foram cinco dias de Cineme-se – Festival da Experiência do Cinema, onde ganhamos, trocamos e distribuímos riquezas. Encontramos pessoas pelo caminho e compartilhamos muita experiência sobre cinema, cultura e tudo terminou com um cafezinho, numa tarde de domingo afetivo. Sabemos que cultura só se faz com presença, por isso pedalamos pela cidade do Canal 6 até a Estação da Cidadania, buscando a desfronteirização da arte por meio do contato direto com o espectador e a cidade. Sempre com uma provocação para rever como narramos a nós mesmos no cotidiano e dessa forma propor uma mudança da estrutura psíquica dos modelos vigentes e dominantes da cultura hegemônica. Não reinventamos a roda, mas queremos fluir junto dela e dessa forma por criar novos caminhos para o cinema.

Em sete ambientes imersivos aconteceram ações sobre cinema expandido, exibição de curtas, realização de longas em tempo real e imersivo, com degustações e paisagem sonora ao vivo. O tema da 10ª edição foi a montagem e a escolha, convidamos o público para estar dentro do filme em algumas sessões, em outras foi espectador e pode degustar sabores que faziam parte das obras exibidas. Veja os sabores que ficam de toda essa imersão e aguarde que em 2019 tem mais,  e com novidades sobre formas de fazer cinema que você ainda não experimentou. Permita-se!




























terça-feira, 17 de julho de 2018

SABORES SONOROS DO CINEME-SE 2018

PAISAGEM SONORA AO VIVO



SESSÃO CINEME-SE 1 - ABERTURA (18/07 - 20h – Lobo Estúdio - Santos)

> Alice Mesquita
Gosto de cantar em casa, na casa dos outros, na natureza, no palco. Sempre gostei de cantar. Sozinha ou acompanhada. Quando li a frase de Rabindranath Tagore, poeta indiano, premio Nobel de literatura em 1913: “Deus me respeita quando trabalho, mas Deus me ama quando eu canto”, recebi a permissão de cantar e entendi a sincronicidade do destino. Algo que me vem ao encontro como seta sinalizadora do caminho a seguir... e é por aí que vou...


SESSÃO CINEME-SE 2 (19/07 - 20h – Lobo Estúdio - Santos)
> Adinan Moraes
Cantor, Violonista, Guitarrista, Compositor e Arranjador. Estudou Música pela Universidade Católica de Santos. Apresentou-se em diversos eventos culturais em Santos, como: Homenagem a Pablo Neruda (SESC, 2013), Homenagem ao Dia Internacional da Mulher (Pinacoteca Benedicto Calixto, 2015), Café Aroma Cine (Museu do Café, 2015), Fête de La Musique (Concha Acústica, 2015), Sarau: Um Autor na Ciranda Poética – Arnaldo Antunes (Aliança Francesa, 2017), entre outros.

Cena Imersiva > Travessia - Participação de Alice e Adinan no Cineme-se 2018
Partir e chegar são os dois lados da emoção de quem deixa sua terra natal. Emoção dolorida se o faz por impossibilidade de ficar...ah que vontade de ficar, mas tendo que ir embora. Emoção de alegria quando o mundo se descortina diante dos olhos nas asas de uma grande aventura. Todos os que partem levam pedaços da terra nas lembranças e a esperança de felicidade. A alegria ou a dor de chegar faz parte da história de cada um. Mesmo sabendo que todos estamos apenas de passagem.
___________________________________________________________________________

SESSÃO CINEME-SE 2 (18 e 19/07 - 20h – Lobo Estúdio - Santos)
> Wylmar Santos - AFROLATINO
O cantor e compositor Wylmar Santos abre mais uma aba e leva sua ancestralidade ao encontro da resistência latino americana. Vocalista do coletivo "Futuráfrica" (Santos); cantante do musical "Quiero ser una chica Almodóvar" (São Paulo); integrante da banda "Canal 4" (Santos); intérprete de homenagens a Luiz Melodia, Itamar Assumpção, Marisa Monte e Sérgio Sampaio, e com seu primeiro disco autoral e independente "Do baile ao jardim" (lançado em 2013), junta agora sua visceralidade e suingue com a paixão e força castelliana, permeando territórios e histórias. O show apresenta canções de sua autoria e de novos parceiros de composição: Denise Guerra, Fabrício César Oliveira e Myrko Yamanouth. Além de um repertório fortalecido por pesquisas em torno de Susana Bacca, Perota Chingo, Cafe Tacuba, Simon Días. "No hay camino caminante sino el camino se hace al caminar"

___________________________________________________________________________

SESSÃO CINEME-SE 3 (20/07 - 20h às 21h30 – Estação da Cidadania de Santos)
> ZeroBeto
Músico e pesquisador, Zero Beto é também um apaixonado pela sétima arte. Resolveu unir essas paixões e criou o espetáculo “Nas Trilhas Do Cinema”, colocando suas invenções sonoras – instrumentos inusitados, objetos, brinquedos e outras maluquices – a contracenar com os clássicos do cinema, contando a história cinematográfica através das trilhas sonoras e seus grandes compositores. Durante a execução, o músico ainda contracena com projeções, interage com os personagens fictícios e também com a plateia, tornando os filmes vivos, assim como a música é naquele momento e assim como somos todos nós, feitos de sonhos, vivos e pulsantes, e trazendo à tona toda nossa memória afetiva através de sons e imagens que nos tocam e emocionam... Viva a magia do cinema e sua música!

Visite nossa página do evento no Facebook:

CURTAS NO CINEME-SE 2018

<<< Destaques aos curtas convidados >>> 
























Confira mais detalhes da programação aqui


sábado, 14 de julho de 2018

SABORES DO CINEME-SE 2018

Nossa cardápio com as locações, o que acontecerá nelas e seus endereços:

Permita-se!!! ;-)



>> Lobo Estúdio: Rua Luís de Camões, 12, Vila Matias, Santos/SP
_________________________________________________________




LABX-S
Rua Sete de Setembro, 52, Vila Nova, Santos/SP
_________________________________________________________



Cineclube Lanterna Mágica – Unisanta
Rua Cesário Mota, 8, Boqueirão, Santos/SP
_________________________________________________________



Estação da Cidadania
Av. Ana Costa, 340, Campo Grande, Santos/SP
 _________________________________________________________



Senac Lapa
Rua Scipião, 67, Lapa, São Paulo/SP
_________________________________________________________



Jardin Cafeteria
Rua Gen. Jardin, 494, Vila Buarque, São Paulo/SP
_________________________________________________________


segunda-feira, 9 de julho de 2018

PORQUE CINEME-SE?


Somos criaturas leitoras e visuais, ingerimos palavras e imagens, somos feitos de palavras e imagens, sabemos que palavras e imagens são nosso meio de estar no mundo, e é através das palavras e imagens que identificamos nossa realidade e por meio de palavras e imagens somos, nós mesmos, identificados. Também somos música, pele, aromas e sabores... Eis o dialogo entre o leitor o espectador. Também lemos filmes... O livro “O leitor como metáfora: o viajante, a torre e a traça”, de Alberto Manguel (Edições Sesc, 2017, 148 páginas), usamos para trabalhar o ver/ler como viagem, e consequentemente o cinema como uma estrada a percorrer. Eis uma das essências do Festival #cineme_se2018... Saiba mais sobre o livro nesse link >>> https://www.revistaamalgama.com.br/…/resenha-o-leitor-como…/